Lutadora muriaeense vence campeonato em São Paulo

Lutadora muriaeense vence campeonato em São PauloA lutadora muriaeense de muaythai, Clarisse Aquiles, de 17 anos, trouxe mais um título para Muriaé, ao vencer Luara Marciano, de São Paulo, no “Super Girls”, campeonato realizado no sábado (7), pelo Portuários Stadium, em Santos.

Ao todo, o campeonato contou com 15 lutas femininas, e Clarisse, que competiu na categoria 55Kg, sagrou-se campeã em uma luta que foi considerada pela organização do evento como a principal da noite.

O treinador, Gilbert Almeida, da equipe Thai Fighters e também presidente da Federação de Muyathai Mineira (FMTM), comemora o resultado. “Foi uma grande luta, contra uma adversária muito ‘dura’ e muito técnica. Além de ter sido a luta principal, Clarisse foi aplaudida por todo o evento, inclusive nós não tínhamos torcida e rapidamente passamos a ter a torcida todo do evento a nosso favor”, afirma.

O Portuários Stadium é considerado, atualmente, o maior organizador de eventos de muaythai no Brasil.

Poliana Botelho assina contrato com o UFC

Foto: Reprodução/Facebook
Foto: Reprodução/Facebook

A lutadora muriaeense de MMA, Poliana Botelho, agora é UFC. Ela assinou o contrato com uma das maiores organizações de MMAque produz eventos ao redor de todo o mundo, o Ultimate Fighting Championship,  nesta terça-feira (3).

“Hoje estou subindo mais um degrau na minha carreira para alcançar o meu maior sonho, não tenho palavras para expressar a minha felicidade de me tornar uma atleta do UFC. Só tenho que agradecer a todos que estão comigo e acreditam no meu sonho. Primeiramente a Deus, meus pais, familiares, amigos, professores e treinadores, parceiros de treino e patrocinadores. Muito obrigada a todos e vamos conquistar juntos nessa nova jornada (sic)”, diz Poliana em sua página no Facebook.

Em sua carreira, Poliana já conquistou diversos títulos, entre eles, o cinturão mundial peso-mosca (até 56,7kg) do XFC (Xtreme Fighting Championships), ao vencer a argentina Silvana “La Malvada” Juarez por nocaute técnico.

Albino traz mais um troféu para Muriaé

Albino traz mais um troféu para MuriaéO atleta Albino Pinto da Rocha conquistou mais um troféu no atletismo. Desta vez, ele alcançou o primeiro lugar na categoria Masculino 60 Anos Acima da terceira edição da APTR – Ultra Videiras, corrida que aconteceu no sábado (30), em Petrópolis, Rio de Janeiro. O muriaeense percorreu os 12,800 km em uma hora e 21 minutos.

Essa competição foi uma prévia para a corrida principal, a MD Vale Sagrado dos Incas – Mountain Do, que acontecerá no dia 22 de maio, em Cusco, no Peru.

Albino, de 69 anos, será um dos condutores da Tocha Olímpica em Muriaé, no dia 16 de maio. Ele é um atleta de expressão na cidade, por ter vencido diversas corridas, inclusive competições internacionais, em sua carreira e por incentivar esta modalidade esportiva no município.

Cerca de 400 atletas, de 22 escolas, estão participando do JEM 2016

DSC_0675Os Jogos Estudantis de Muriaé 2016 foram abertos oficialmente na tarde desta segunda-feira (11), no Ginásio Municipal Rodrigo Flores de Abreu (Rodrigão). Cerca de 400 atletas, de 11 a 17 anos, de 22 escolas da cidade das redes pública e particular, estão participando da 31ª edição do JEM.

Durante a abertura, os estudantes desfilaram representando suas escolas. Em seguida, a estudante Estter Tavares de Andrade carregou a tocha pela quadra do ginásio até a Pira Olímpica, que foi acesa.

O prefeito de Muriaé, Aloysio Aquino, que fez o pronunciamento declarando aberto o JEM, afirma que 2016 é um ano marcante para o esporte de Muriaé. A cidade está na rota de passagem da Tocha Olímpica – Jogos Olímpicos Rio 2016, que passará pelo município no dia 16 de maio, data em que Muriaé completa 161 anos de emancipação político-administrativa. “Neste ano olímpico, em que a Tocha Olímpica, símbolo dos Jogos, passará por Muriaé, eu desejo a todos sucesso nas competições. Este ano é um ano ímpar para se investir no esporte e, assim, estimular nosso jovens à prática esportiva”, destaca.

A estudante Estter Tavares de Andrade carregou a tocha pela quadra do ginásio até a Pira Olímpica
A estudante Estter Tavares de Andrade carregou a tocha pela quadra do ginásio até a Pira Olímpica

O JEM é uma etapa municipal que seleciona atletas que vão representar a cidade na etapa regional. Este ano, o JEM está sendo disputado nas modalidades: handebol, futsal, vôlei, basquete e natação, nas categorias masculino e feminino.  As partidas e disputas acontecerão até o dia 29 de abril, no Ginásio Municipal Rodrigo Flores de Abreu (Rodrigão) e no Colégio Santa Marcelina.

O superintendente de Ensino, Sandro Carrizo, afirma que o esporte e a cultura são alternativas para a formação dos estudantes. “O JEM é extremamente importante, porque os jogos congregam todas as escolas municipais, particulares e estaduais, em uma festa que é muito bacana, que é a festa do esporte. O JEM é um instrumento de formação de cidadania, de atletas e de construção de um mundo melhor. O esporte é uma ferramenta muito importante de combate à marginalidade e à exclusão”, considera.

Estiveram presentes na solenidade de abertura do JEM o secretário de Esportes, Lazer e Juventude, Vander Gonçalves, a secretaria municipal de Educação, Maria Cristina Navarro, a secretária municipal de Desenvolvimento Social, Cláudia Aquino Sigiliano, a diretora geral da Fundarte, Gilca Napier, vereadores, além de diretores, professores e atletas.

Atletas muriaeenses conquistam medalhas no Arnold Classic Brasil

Atletas muriaeenses conquistam medalhas no Arnold Classic BrasilOs atletas muriaeenses de muaythai, Clarisse Aquiles e Édson Silva, representaram Minas Gerais e Muriaé no Arnold Classic Brasil – o maior evento multiesportivo do mundo – e trouxeram para a cidade medalhas de Ouro e Prata.

Eles lutaram no sábado (2), no Riocentro, Rio de Janeiro. Clarrise, de 17 anos, lutou na categoria 54kg e conquistou a medalha de Ouro. Já Édson, de 34 anos, competiu na categoria 77kg e trouxe para Muriaé a medalha de Prata.

De acordo com o treinador, Gilbert Almeida, também presidente da Federação de Muyathai Mineira (FMTM) e secretário-geral da Pairojnoi Muaythai International Federation (PMIF), ambos representaram “muito bem” a equipe Thai Fighters e Minas Gerais. Eles foram os únicos atletas mineiros de muaythai a competirem no evento. “Édson e Clarisse competiram muito bem, demonstraram toda a técnica ensinada”, considera Gilbert. “Agradeço o apoio dos alunos da academia que viajaram até o Rio, aos que aqui ficaram, mas enviaram boas energias e ao vereador Junior da Civil, que sempre apoia a equipe Thai Fighters, os nossos atletas e a Federação de Muaythai Mineira em seus campeonatos”, completa.

De virada, Cruzeiro bate Tombense no Soares de Azevedo

De virada, Cruzeiro bate Tombense no Soares de AzevedoQuem foi ao Soares de Azevedo na noite de quarta-feira (3), certamente assistiu a um bom jogo de futebol, com tempos distintos. O primeiro tempo dominado pelo Tombense, que saiu à frente com um golaço do lateral Paulo Otávio.

Veio o segundo tempo e o Cruzeiro empatou com Alisson, e no apagar das luzes, virou com Rafael Silva, 2×1. O Tombense poderia ter saído com um resultado melhor, mas pecou em algumas finalizações, e quando acertava, o goleiro Fábio fazia a diferença. O público foi de 3.563 pessoas e a renda foi de R$ 140.790.

 

Texto e foto: Blog do Carlitão – parceiro do A NOTÍCIA

“Reduto Azul”: torcedores do Cruzeiro comparecem em massa ao evento

DSC_0878Os torcedores muriaeenses do Cruzeiro viveram um momento histórico nesta terça-feira (2), quando a cidade recebeu o “Raposão”, mascote do time celeste, e a taça de campeão brasileiro, conquistada em 2014.

A ação promocional, denominada “Reduto Azul”, teve o objetivo de aproximar o clube do torcedor do interior e conquistar novos sócios. Houve também sorteio de brindes.

Por volta das 18h, horário marcado para começar o evento, o Restaurante Brasão já estava lotado de cruzeirenses, que puderam tirar fotos com a taça e com o “Raposão”.

O torcedor mirim do time, João Francisco Simões Gomes, de 9 anos, aproveitou para fazer muitos registros fotográficos. “Eu achei muito legal”, diz ele, que acompanha os jogos e até já entrou em campo com os jogadores do time, quando o Cruzeiro jogou em Muriaé em 16 de março de 2014, no Estádio Soares de Azevedo.

O delegado Rangel Martino de Oliveira Paiva, também torcedor fanático do time celeste, afirma que este é um momento histórico para a torcida cruzeirense de Muriaé e uma forma de aproximar o torcedor do interior com o Cruzeiro. “Este é um evento imenso para nós, torcedores cruzeirenses de Muriaé. É um evento da família, para a família cruzeirense, um evento democrático e popular. Realmente, o Cruzeiro é um time muito popular, e não é à toa que hoje, emblematicamente falando, ele recebe o nome de ‘time do povo’”, afirma. “Pelo que me recorde, o Cruzeiro é o único time da primeira divisão, de grande referência, que veio a Muriaé e tratou o torcedor dessa forma, com tanto carinho, criando um evento especificamente para o torcedor”, completa.

O proprietário do Restaurante Brasão e também cruzeirense, Gerson Ferreira, afirma que foi uma honra o seu estabelecimento ter sido convidado para sediar o “Reduto Azul”. “Fiquei muito feliz do Brasão ter sido escolhido  para sediar o evento e da equipe de marketing do Cruzeiro ver que minha casa tem estrutura para receber esse evento. Eu abracei a causa”, conta o empresário. O Restaurante Brasão existe há dois anos.

PARTIDA ENTRE TOMBENSE X CRUZEIRO – A partida entre Tombense e Cruzeiro, pela 2ª rodada do Campeonato Mineiro, acontece nesta quarta-feira (3), às 19h30min, no Estádio Soares de Azevedo.

 

Veja a galeria de fotos:

Professor muriaeense de muaythai está na Tailândia para aperfeiçoamento profissional

Professor muriaeense de muaythai está na Tailândia para aperfeiçoamento profissionalO professor muriaeense de muaythai e presidente da Federação de Muaythai Mineira, Gilbert Almeida, está na Tailândia em busca de mais conhecimentos e técnicas junto ao mestre Pairojnoi Sor Siamchai, um dos maiores treinadores daquele país e que protagonizou a tão famosa “luta do século”.

O treinamento no país de origem do muaythai é um sonho antigo do professor e líder da equipe Thai Fighters de Muriaé, que, após participar de dois seminários e treinar um tempo com o mestre Pairojnoi no Brasil, teve a oportunidade de ficar esse tempo conhecendo mais sobre esta arte marcial e cultura do povo tailandês.

Professor muriaeense de muaythai está na Tailândia para aperfeiçoamento profissional 2Também fazem parte da comitiva os professores de muaythai da equipe Thai Fighters, Anderson Martins, de Vilhena (RO) e Reginaldo Lima, de Ariquemes (RO). Eles, que viajaram no dia 21 de janeiro, ficarão um mês treinando no camp do mestre Pairojnoi, localizado em Krathum Baen, distrito de Samut Sakhon.

Professor muriaeense de muaythai está na Tailândia para aperfeiçoamento profissional 3O mestre Pairojnoi é o presidente da PMIF (Pairojnoi Muaythai International Federation, na sigla em inglês), entidade que visa padronizar o ensino do muaythai de forma pura, sem misturas ou influência de outras artes marciais, como vem acontecendo. Na federação, todos deverão saber o mesmo muaythai.