Liga Esportiva de Muriaé inaugura nova sede e empossa novo presidente

DSCN3765
Descerramento da placa de inauguração da nova sede da LEM

O contador e esportista, Wilson Mauro Soares, mais conhecido como Kalica, é o novo presidente da Liga Esportiva de Muriaé (LEM). Ele, o vice-presidente eleito, Antônio José Moreira (árbitro Toninho) e diretoria foram eleitos para ocuparem os respectivos cargos durante o triênio 2016/2018.

O anúncio da nova diretoria aconteceu na noite desta terça-feira (8), quando também foi inaugurada a nova sede da LEM, com a presença de dirigentes e desportistas. Antes da proclamação dos novos diretores, foi feita a solenidade de descerramento da placa, que contou com as presenças de Celeste Dutra, viúva do ex-presidente, Cesar Dutra, e também de Flávio Wilson Abdala do Amaral, que representou o empresário José Braz, que fez a doação do terreno, quando prefeito de Muriaé.

DSCN3739O novo presidente, que era vice-presidente da LEM, afirma que a eleição da nova diretoria da Liga, aliada à inauguração da nova sede, representa a “festa completa” do futebol de Muriaé.

Durante os pronunciamentos, todos os exaltaram o trabalho do ex-presidente, José Geraldo Pimentel da Rocha, que, com o apoio de amigos e colaboradores, iniciou as obras da nova sede no dia 6 de fevereiro de 2013. José Geraldo, que depois de ser secretário e presidente da LEM e presidente do Cruzeiro Esporte Clube, se prepara para assumir a presidência do Nacional Atlético Clube, com a responsabilidade de devolver a equipe à primeira divisão do Campeonato Mineiro.

José Geraldo afirma que deixa o cargo com “a cabeça erguida” e com a sensação de dever cumprido. Sobre assumir a presidência do Nacional, o ex-presidente da LEM conta que é uma “alegria”.

Após a inauguração da sede, foi servido um coquetel aos presentes.  Na sequência, a nova diretoria da LEM assinou a ata de posse.

O vice-presidente, Antônio José Moreira e o presidente, Wilson Mauro Soares
O vice-presidente, Antônio José Moreira e o presidente, Wilson Mauro Soares

DIRETORIA:

Presidente: Wilson Mauro Soares
Vice-presidente: Antônio José Moreira
Conselho Fiscal: José Sérgio Cerqueira, Waldemiro José de Oliveira e Anderson da Silva Miranda
Suplentes: Odair José da Silveira, Paulo Roberto Braz, e Wagner de Melo Ferreira
 1ª Secretária: Nayara de Freitas Gouvea
 2ª Secretária: Fernanda Gomes Ferreira
 1º Tesoureiro: Paulo Sérgio de carvalho
2º Tesoureiro: Airton Francisco da Silva

Atletas muriaeenses conquistam medalhas em campeonato profissional de muaythai

Édson Souza ganhou por unanimidade dos jurados
Édson Souza ganhou por unanimidade dos jurados

Três atletas de Muriaé representaram a cidade na quinta edição do Jura Fight, um campeonato profissional de muaythai, e voltaram com medalhas para Muriaé. Édson Souza ganhou do adversário por unanimidade dos jurados (3 a 0), Hugo Lima venceu por WO e Lucas Marinho conquistou a medalha de Prata. A competição aconteceu no domingo (8), em Santo André, São Paulo.

De acordo com Édson, apesar da luta ter sido “difícil”, ele conseguiu trazer mais esta medalha para a cidade. “O adversário era ‘duro’ e um pouco mais pesado, mas isso não me intimidou. Treinei bastante para este campeonato”, afirma ele, que há pouco tempo sofreu uma lesão na mão e teve que passar por uma cirurgia. “Foi muito importante representar Muriaé e o Estado de Minas em São Paulo. Apesar de não estar totalmente recuperado da cirurgia, conseguimos um excelente resultado. Estou muito satisfeito com a vitória, pois treinamos bastante. Independente do resultado, a gente vai para fazer uma boa luta, e foi o que fizemos”, avalia.

Já Lucas Marinho trouxe para a casa a medalha de Prata – perdeu por uma diferença de um ponto, porém, a luta que participou, assim como a de Édson, foi considerada umas das melhores do evento. Como o adversário de Hugo Lima não compareceu, o muriaeense venceu por WO.

De acordo com o treinador, Gilbert Almeida, da Thai Fighters, a equipe de Muriaé ficou entre as melhores equipes da competição. “Os nossos atletas representaram muito bem nossa academia. Lutaram contra atletas profissionais, em um evento profissional, seguindo regras profissionais. Isso foi muito importante para eles. As lutas que participaram foram consideradas as melhores do evento. O aproveitamento foi de 100%”, conta.

Patinadores terão primeiro encontro em Muriaé

Parte do grupo de patinadores de Muriaé
Parte do grupo de patinadores de Muriaé

Um esporte que tem crescido e atraído cada vez mais adeptos realizará seu primeiro encontro na cidade. No dia 11 de outubro, acontece, na Praça João Pinheiro, Centro, a Operação Urban em Muriaé, que reunirá cerca de 50 patinadores da cidade e do Rio de Janeiro.

O evento é promovido pelo projeto Operação Urban (www.operacaourban.com.br), do Rio, especializado em patinação, e Patins in Line Muriaé. O Operação Urban é um projeto que faz a união dos amigos da patinação, independente de grupo que pertence ou modalidades que pratica.

Haverá sorteio de um par de patins para que

Grupo de patinadores do Rio de Janeiro
Grupo de patinadores do Rio de Janeiro

m colaborar com a ação solidária, levando alimentos, que serão doados para instituições filantrópicas da cidade.

Federação de Muaythai Mineira promove curso de arbitragem com padrão internacional

Federação de Muaythai Mineira promove curso de arbitragem com padrão internacionalA Federação de Muaythai Mineira, sediada em Muriaé, promove, no dia 1º de novembro (domingo), um curso de arbitragem com padrão internacional, que será ministrado pelo mestre Ademir Mori, de São Paulo, aluno do grão-mestre Pairojnoi.

O curso, que é destinado a praticantes de muaythai, tem duração de 6 horas, com início às 8h. O conteúdo engloba o padrão de luta tailandesa, as regras e as pontuações. “Serão abordadas regras específicas da Tailândia”, frisa o presidente da federação, Gilbert Almeida. Ainda segundo ele, o curso está aberto para todo o Brasil e que professores de muaythai de vários estados já confirmam presença.

A Federação de Muaythai Mineira está localizada na Academia Thai Fighters (cobertura do Shopping Vitrines), Centro.

As inscrições podem ser feitas pelo email: muaythai.mg@hotmail.com. O valor do investimento é de R$ 100,00. As vagas são limitadas. Mais informações também podem ser obtidas pelo telefone (32) 3721-9202.

“Corrida & Caminhada Pela Vida” em prol do Hospital do Câncer de Muriaé acontece no dia 4 de outubro

“Corrida & Caminhada Pela Vida” em prol do Hospital do Câncer de Muriaé acontece no dia 4 de outubro1Pelo segundo ano consecutivo, o Grupo AVB, Academias Valéria Bruno, realiza sua tradicional “Corrida & Caminhada Pela Vida” dedicada ao Hospital do Câncer de Muriaé da Fundação Cristiano Varella.

Em 2015, a “Corrida Pela Vida” acontecerá no dia 4 de outubro (domingo), com largada às 9h em frente à AVB Fitness, localizada na Rua Barão do Monte Alto, seguindo em direção à Barra. O percurso será de 5 km para a corrida e 2,5 km para a caminhada.

Todos estão convidados a participar e os interessados podem contribuir se inscrevendo nas unidades AVB ou na Fundação Cristiano Varella. Lembrando que não existe um valor específico para inscrições. Todos podem contribuir com o que puderem, e os 250 primeiros inscritos ganharão uma camiseta do evento.

A “Corrida & Caminhada Pela Vida” se tornou parceira da Fundação no último ano, quando dedicou toda a verba arrecadada na corrida para a criação do Banco de Perucas da instituição. Neste ano, a parceria será destinada à revitalização da Brinquedoteca do hospital.

Albino conquista 3º lugar em corrida de muitos obstáculos

Alo aloO atleta muriaeense Albino Pinto da Rocha conquistou o 3º lugar em uma prova de trilha com percurso super acidentado, o Ibiti Run, realizada no domingo (20), no distrito de Ibitipoca. Competindo na faixa etária acima dos 50 anos e concorrendo com atletas bem mais jovens, Albino, mais uma vez, colocou o nome de Muriaé no pódio.

Poliana Botelho vence “La Malvada” e conquista cinturão mundial do XFC

Poliana Botelho vence “La Malvada” e conquista cinturão mundial do XFCA lutadora muriaeense de MMA, Poliana Botelho, conquistou o cinturão mundial peso-mosca (até 56,7kg) do Xtreme Fighting Championships (XFC), ao vencer a argentina Silvana “La Malvada” Juarez por nocaute técnico. A disputa aconteceu neste sábado (19), em São Paulo. Após quatro rounds bem difíceis e equilibrados entre ambas as atletas, Silvana passou mal no corner e não conseguiu voltar para o 5º e último round.

A disputa do cinturão foi o principal combate do XFCi 11, realizado no XFC International Center, no bairro da Casa Verde, Zona Norte de São Paulo.

A luta com “La Malvada” foi um desafio feito pela própria Poliana, quando a muriaeense nocauteou Antonia Silvaneide “Marretinha”, no primeiro round, em disputa realizada na madrugada do dia 15 de março e conquistar o GP feminino.

“Galeraaaaaaa ... Ta ai nosso cinturão !!! Mais um brinde a botinha e o olho roxo.. Ossos do ofício !!! (sic)”, diz a atleta em sua página no Facebook após a vitória
“Galeraaaaaaa … Ta ai nosso cinturão !!!
Mais um brinde a botinha e o olho roxo.. Ossos do ofício !!! (sic)”, diz a atleta em sua página no Facebook após a vitória

Em entrevista ao A NOTÍCIA por telefone, Poliana afirmou que esta foi a luta “mais dura” que teve em sua carreira. “Sempre pretendi lutar com a Silvana, pois sempre quis lutar com os melhores. E ali, para mim, a melhor que tinha era ela, mais dura, mais guerreira e mais batalhadora”, conta. “Este foi um sonho perfeitamente realizado. Eu provei para o mundo inteiro que se eu achava que ela era a melhor, então, ao vencê-la, eu sou melhor que ela. Nem eu acreditava de onde tirei tanta força, tanta garra naquela luta. Foi uma prova para mim mesma de garra”, completa.

A expectativa para o duelo entre Poliana e Silvana “La Malvada” era grande. Ambas já vinham pedindo para se enfrentarem desde o início do ano, quando foram apontadas como as duas melhores atletas do XFC. No ringue, Poliana e Silvana protagonizaram um duelo intenso e empolgante, em uma disputa apertada e equilibrada.

Ao final da luta, já no corner, Silvana Juarez apresentou dificuldades para respirar e quase desmaiou, sendo amparada por sua equipe e pelos médicos do evento, que decretaram o fim da luta e a vitória de Poliana Botelho. “De virada foi mais gostoso. Estava ganhando o primeiro round. Depois perdi o segundo e o terceiro. O quarto estava empatado. Quando ganhei, eu nem estava acreditando, por isso eu não conseguia parar de chorar. Treinei demais para essa luta. É a luta mais importante da minha vida. Dei tudo de mim ali dentro. Darei tudo de mim para as próximas lutas”, relata.

A muriaeense afirma que o próximo “desafio” é vir para Muriaé e encontrar a família, de quem afirma estar sentindo “enormes saudades” após três meses sem visitar. “Ficarei com o cinturão em casa. Quem quiser me desafiar, estou preparada para o desafio. Vou defendê-lo com unhas e dentes. Ele é meu e ninguém me tira”, destaca.

Poliana ainda mandou recado para os muriaeenses. “Agradeço a galera de Muriaé pelo apoio. Senti que a cidade estava me apoiando. Agradeço a torcida dessa galera maravilhosa, que, com essa energia, me ajuda a ter força para dar continuidade ao meu trabalho”, finaliza.

Poliana Botelho enfrenta Silvana “La Malvada” neste sábado

Foto: Arquivo A NOTÍCIA
Foto: Arquivo A NOTÍCIA

A lutadora muriaeense de MMA, Poliana Botelho, atual campeã da divisão feminina peso-mosca (até 56,7kg) do Xtreme Fighting Championships (XFC), enfrenta neste sábado (19) a argentina Silvana “La Malvada” Juarez, pelo cinturão da categoria.

Poliana desafiou a argentina após nocautear Antonia Silvaneide “Marretinha”, no primeiro round, em disputa realizada na madrugada do dia 15 de março  e conquistar o GP feminino. “Eu quero a ‘La Malvada’. Como brasileira, ganhar da argentina será bem melhor, bem mais gostoso”, afirmou Poliana durante entrevista ao A NOTÍCIA.