Miraí promove lançamento do projeto Mirahy Ano 100

A Prefeitura de Miraí realizou na última quinta-feira (2) o lançamento do projeto Mirahy Ano 100, que visa realizar ações em todas as áreas para identificar e promover o desenvolvimento da cidade até o seu centenário, em 2023.

Segundo o Secretário Municipal de Cultura e Turismo de Miraí, Marcos Paulo Albuini, “este é um projeto grande e ambicioso, de longo prazo, que irá desenvolver pesquisas e estudos para identificar o que realmente precisa ser feito para termos uma cidade com qualidade de vida ainda melhor”.

O evento teve início no Centro Comunitário Madalena Moraes Machado (3ª Idade) com o tombamento como patrimônio Cultural e Imaterial de Miraí da música “Meu tempo de criança”, que fala da infância de Ataulfo Alves na cidade, suas brincadeiras, a professorinha e outros momentos marcantes.

Miraí promove lançamento de filme e inaugura calçada em homenagem a Ataulfo Alves

A Prefeitura de Miraí, com o apoio da iniciativa privada, promoveu na sexta-feira (3), na Praça Dr. Miguel Pereira, uma noite de alto enriquecimento cultural para a população do município. Na oportunidade foi lançado o curta-metragem “Olhos de Mariazinha”, que conta a história de criação do município sob a ótica de uma personagem que passeia pela infância do cantor e compositor Ataulfo Alves, Mariazinha.

Também aconteceu a inauguração da “Calçada do Samba Ataulfo Alves”, que conta com 11 painéis de azulejos – 10 com imagens históricas de Ataulfo Alves e trechos de suas músicas, e um, central, com imagens ligadas intimamente ao município, como o Morro do Camapuã e a Matriz de Santo Antônio, que neste ano completa 160 anos.

 “Olhos de Mariazinha” contou com atores amadores da própria cidade

O curta-metragem “Olhos de Mariazinha” contou com o apoio de diversas empresas de Miraí e região. O Filme teve o roteiro escrito por Getúlio Martins Rodrigues, e foi dirigido pelo cineasta e produtor cultural Henrique Frade, de Cataguases, contando com uma equipe profissional de produção, mas todos os atores foram pessoas da própria cidade, sem experiência neste tipo de trabalho. Mesmo assim, segundo Marcos Paulo, todos ficaram muito à vontade. “Contamos o início da formação do município, pelos olhos da Mariazinha, que era a paixão de Ataulfo Alves na infância. E todos os atores foram pessoas da cidade, que surpreenderam por suas belas atuações. Agradecemos a Deus, aos convidados, parceiros que acreditaram na ideia e contribuíram e aos atores, que fizeram um ótimo trabalho. Isso aumenta credibilidade e mostra a capacidade de Miraí na produção de audiovisual”, concluiu o secretário.

O diretor do filme, Henrique Frade, elogiou o trabalho realizado na cidade. “É uma grande alegria para mim, ter feito este filme histórico em Miraí. Agradeço a todos e contamos com o município para os próximos projetos que iremos desenvolver”, afirmou.

O secretário municipal de Administração, Getúlio Martins Rodrigues, também elogiou todo o projeto e se disse extremamente feliz com os resultados até o momento. “O próprio diretor do filme, que é da área e conhece muitos cineastas, disse que nunca teve essa experiência de contar a história de uma cidade com a atuação dos próprios moradores. É um caso inédito. Isso gera interesse, pois as pessoas se sentem valorizadas participando das ações”, contou Getúlio.

A Câmara Municipal de Miraí também participa do projeto que visa a comemoração do centenário da cidade. Segundo o presidente, Almir Alves de Araújo, o povo precisa conhecer a importância de Ataulfo Alves para a cultura e história do município. “Ficamos gratos em agregar pessoas que somam muito valor à nossa cultura e ao ver o prestígio da população. Fomos procurados pela equipe do projeto e patrocinamos dois dos azulejos da Calçada. Estamos honrando a população de uma cidade tão rica culturalmente com essa obra linda”, finalizou Almir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *