Bailarina muriaeense apresentará espetáculo de dança no Teatro Belmira Vilas Boas

Caroline durante apresentação na África com o Grupo Oito (Foto: Goethe-Institut Kenya/ Sabine Bretz)
Caroline durante apresentação na África com o Grupo Oito (Foto: Goethe-Institut Kenya/ Sabine Bretz)

A bailarina muriaeense, Caroline Alves, apresentará neste domingo (29), às 20h30min, no Teatro Belmira Vilas Boas, o espetáculo “UAU: happening now” de dança contemporânea.

A concepção e interpretação do espetáculo são da própria bailarina e conta com a assistência de direção e dramaturgia de Miro Wallner. “UAU: happening now” é feito por acontecimentos concretos e inventados e formado por afetos, situações cotidianas, memórias e conflitos.

Os ingressos antecipados podem ser adquiridos na loja Le Petit, localizada na Rua Barão do Monte Alto, 70, loja 16.

A BAILARINA – Caroline Alves é bailarina, coreógrafa e professora de dança contemporânea com sede em Berlim/Alemanha. Após iniciar os seus estudos em dança clássica e jazz, em 1998, na Academia Valéria Bruno, mudou-se em 2004 para Belo Horizonte, onde continuou seus estudos em dança contemporânea integrando o Grupo Experimental do 1º Ato.

Ainda em Belo Horizonte, atuou por sete anos como bailarina da Cia de Dança Palácio das Artes.

Nos últimos anos, Caroline tem desenvolvido o seu trabalho na cena independente como dançarina e pesquisadora e trabalhou também com diferentes coreógrafos, como Ricardo de Paula (BR/AL) e Alba Lorca (Espanha), tendo se apresentado por cidades da Europa e da África.

Ao longo da sua carreira profissional, vem desenvolvendo experimentos com improvisação e composição no campo da dança contemporânea.

Atualmente, faz parte do Grupo Oito (Berlim). Seus últimos trabalhos autorais foram “Unset” (2013) e “DOCH!” (2015), apresentados no projeto “Oito Solos + 1″, produzido pelo Grupo Oito em parceria com o Hoftheater Kreuzberg, em Berlim.

Secretário de Desenvolvimento Econômico participa de evento nacional sobre economia

1 - Secretário M Cézar Bianchi participa do 7 Fomenta nacionalO secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico, Cézar Augusto Bianchi Botaro, representou o prefeito Aloysio Aquino no IV Encontro Nacional de Agentes de Desenvolvimento Econômico (ENAD), nos dias 17 e 18 de novembro, e no VII Fomenta Nacional, no dia 19 novembro, ambos promovidos pelo Sebrae, em Cuiabá, Mato Grosso.

O objetivo dos eventos foi orientar, capacitar e realizar a troca de experiências entre agentes econômicos dos municípios brasileiros. A viagem foi uma missão do Sebrae, custeada pelo próprio órgão a diversas lideranças mineiras.

Para Cézar Bianchi, a oportunidade proporcionada enriquece o trabalho realizado pela Prefeitura de Muriaé. “Nossa cidade já avançou muito nos últimos anos, justamente porque conseguimos organizar o empresariado local, incentivamos os profissionais liberais a se legalizarem, ofertamos cursos e a partir dos exemplos que temos acompanhados nas missões do SEBRAE, estamos focados em trazer mais novidades para Muriaé, como por exemplo, o sistema de compras em grupo, que aumenta o poder de negociação do empresariado e fomenta a economia local”, ressalta o secretário.

Nos três dias de curso, os participantes acompanharam palestras e oficinas com profissionais de renome nacional e internacional.

Sociarte:

Edição 464, de 27 de novembro de 2015
Em alta

Os integrantes do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) do bairro São Joaquim, que funciona em parceira com o Projeto Boas Novas, participaram da “1ª Olimpíada de Matemática”, que foi realizada na semana passada. O intuito foi incentivar o estudo, detectar a criatividade, a imaginação, a inteligência e a superar as dificuldades para resolver situações-problema. As crianças participaram com entusiasmo e demonstraram maior interesse pelo aprendizado.

 

 

15  anos de Júlia
15 anos de Júlia

A chegada dos 15 anos de Julia Rodrigues Machado foi comemorada em grande estilo na última sexta-feira (20). Primeiro, foi celebrada uma missa em ação de graças na Igreja São José de Anchieta, no Planalto, pelos 15 anos da primogênita do casal Wiliam de Oliveira Machado (capitão PM) e Ana Paula Rodrigues Costa Machado. Em seguida, houve uma recepção aos convidados no Arrastão Plaza Hotel, com direito a valsa com o pai e homenagens. A aniversariante recebe os parabéns dos pais, das irmãs Laura e Lívia, do irmãozinho Gabriel e da equipe do A NOTÍCIA. (Foto: Cláudia Rodrigues)

 

 

1 aninho de João Gabriel
1 aninho de João Gabriel

“Galinha Pintadinha” foi o tema da festa que celebrou, no sábado (21), o 1º aninho de João Gabriel Gonçalves de Freitas Dutra, primogênito do casal Giovani e Raquel. A comemoração reuniu, na residência do aniversariante, familiares e amiguinhos. Parabéns!

 

 

Foto Bodas
Bodas de Porcelana

O casal Darlan e Ângela Silveira (Drogabula) comemorou, no dia 23 deste mês, 20 anos de um feliz matrimônio. Deste enlace nasceram Eduardo e Ana Luisa. Felicidades, e que o casal possa comemorar mais e mais bodas!

 

 

Casamento de Elisângela e Obinha
Casamento de Elisângela e Obinha

Elisângela e Cléber José, mais conhecido como “Obinha da Banca”, se uniram em matrimônio no dia 14 deste mês, durante uma cerimônia realizada na Casa de Oração da Rua Oswaldo Cruz, na Barra. Logo após, os noivos recepcionaram os convidados e familiares no CEFAS. Felicidades ao casal! (Arquivo pessoal/Facebook)

 

 

Enlace de Tenille e Erly
Enlace de Tenille e Erly

Tenille Lima Deveza e Erly Costa (capitão PM) trocaram alianças no sábado (21), durante cerimônia realizada na Casa de Festas Fazenda Divisório, onde também aconteceu a recepção aos convidados. Felicidades ao casal! (Foto Kennedy)

 

 

Formatura da Escola São Paulo
Formatura da Escola São Paulo

Os alunos do 3º ano da Escola São Paulo se formaram na última sexta-feira (20).  A comemoração aconteceu no Garden Festas, com a participação da diretoria da escola, professores e familiares dos alunos. Parabéns! (Foto Central)

 

 

1 aninho de Arthur
1 aninho de Arthur

O 1º aninho de Arthur, primogênito do casal Igor e Sarah Leite, foi comemorado com uma linda festa, que aconteceu no sábado (21), no Salão da Neneca. O tema foi “Fundo do Mar”. Parabéns, Arthur! (Foto Central)

 

 

2 anos de Isis
2 anos de Isis

Isis, primogênita do casal Miguel Leopoldo de Paula e Poliana Ribeiro Camargo, completou 2 aninhos de vida. A data especial foi comemorada com uma linda festinha, que aconteceu no domingo (22), na casa da vovó Marlene, com a presença de familiares e amiguinhos. Parabéns, Isis! (Foto Central)

 

 

Presença na Árvore de Natal do Grupo Líder
Árvore de Natal do Grupo Líder

A Árvore de Natal do Grupo Líder teve suas luzes acesas nesta segunda-feira (23). A solenidade contou com a participação de milhares de pessoas, que foram acompanhar esse espetáculo de luz, beleza e emoção. Entre os presentes estavam o Sr. José Emílio (José Senhorinha) e a filha Clélia. Ele, que é ex-funcionário de uma das extintas empresas do Sr. José Braz (idealizador do Grupo Líder), acompanha todos os anos a solenidade e faz questão de comparecer para assistir de perto o acender das luzes da considerada maior árvore de Natal da região.

Homem é assassinado a tiros na Vila Cavalier

foto capa
Crime aconteceu na porta de uma residência da Vila Cavalier

Um homem de 37 anos foi morto com vários tiros na porta de uma residência, na Vila Cavalier, na tarde desta quinta-feira (26). Ao redor do corpo de Rogério Marques Roque, os policiais localizaram, pelo menos, nove cápsulas calibre 380. A perícia recolheu, ainda, projéteis de calibres 32 e 38.

Segundo informações, dois homens teriam passado em uma moto e efetuado vários disparos contra a vítima, que era natural de Cataguases e que estava trabalhando em Muriaé há poucos meses. Cerca de meia hora depois, dois homens deram entrada no hospital de Miradouro. Durante as buscas pelos autores, um deles confessou ter assassinado Rogério – o outro, provavelmente, responderá por coautoria no crime. Eles foram detidos e trazidos para o Hospital São Paulo, por onde passaram por exames para tratar os ferimentos. Em seguida, ambos foram levados à delegacia para prestar depoimento.

A vítima estava cumprindo pena em regime de semiliberdade – trabalhando durante o dia e voltando para a penitenciária à noite. De acordo com a PM, a vítima tem passagem por furto, tráfico de drogas, tentativa de homicídio e lesão corporal.

Este foi o 23º homicídio que aconteceu na cidade em 2015.

 

*Matéria atualizada às 19h25min

Cine Veredas exibe “O último caçador de bruxas”

maxresdefault“O último caçador de bruxas” e “SOS Mulheres ao Mar 2” estarão em exibição no Cine Veredas até a próxima quarta-feira (2). Em breve, estará em cartaz no cinema muriaeense “O Reino Gelado 2”.

O preço da entrada inteira custa R$14,00 e a meia, R$7,00. Nas segundas e terças-feiras, todos pagam meia entrada. O Cine Veredas informa que só aceita 15 cortesias por sessão. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 8865-6528.

SINOPSE DE “O ÚLTIMO CAÇADOR DE BRUXAS” – Amaldiçoado com a imortalidade, o caçador de bruxas Kaulder (Vin Diesel) é obrigado a enfrentar mais uma vez sua maior inimiga e unir forças com a jovem bruxa Chloe (Rose Leslie) para impedir que uma convenção espalhe uma terrível praga pela cidade.

Veja a programação completa:

12309930_1259856687365208_5078679713149043629_o

Prefeitura conclui maior das quatro etapas do Complexo de Drenagem Pluvial

Asfaltamento da Rua Teodorico Torres, a última que restava para ser pavimentada na região do córrego Santa Rita
Asfaltamento da Rua Teodorico Torres, a última que restava para ser pavimentada na região do córrego Santa Rita

A maior das quatro frentes de trabalho que formam as obras do Complexo de Drenagem Pluvial de Muriaé foi concluída nesta semana. Na tarde de quarta-feira (25), foi realizado o asfaltamento da Rua Teodorico Torres, a última que restava para ser pavimentada na região abrangida pelo córrego Santa Rita, encerrando, assim, as atividades no local.

As obras beneficiaram diretamente seis bairros: Centro, Hélio Araújo, São Gotardo, João XXIII, Safira e Augusto de Abreu, encerrando definitivamente o problema, segundo a Prefeitura, até então recorrente, de alagamentos que aconteciam sempre que chuvas torrenciais eram registradas na cidade.

O trabalho começou a ser executado em julho de 2013 e, enquanto algumas das vias mais movimentadas da cidade – como a Avenida Constantino Pinto e as ruas Santa Rita e José de Abreu – permaneciam interditadas para a colocação das manilhas e aduelas, obstáculos naturais e questões burocráticas contribuíam para atrasar a entrega da obra.

O primeiro entrave surgiu quando os operários da Prefisan, empresa responsável pela obra, encontraram maciços de rochas no subsolo da Rua Santa Rita. Diante da impossibilidade de se usar explosivos para dinamitá-las – algo que poderia comprometer seriamente a estrutura dos imóveis existentes no entorno -, a solução encontrada foi a aplicação de argamassa expansiva para remoção gradual das pedras.

Logo em seguida, a necessidade de desapropriação de quatro casas situadas na Rua José de Abreu também durou mais tempo que o esperado. A previsão era de que a negociação com os proprietários pudesse ser resolvida rapidamente, mas a questão acabou seguindo para a Justiça e tramitando por mais de quatro meses. E já durante quase todo o primeiro semestre de 2015, as obras ficaram paralisadas em virtude de lentidão do Governo Federal para efetuar o pagamento das medições de cada etapa executada pela empresa Prefisan, conforme informou a Prefeitura de Muriaé.

“Foram muitos percalços, mas nunca desistimos do objetivo de concluir a obra. Para isso, participamos de inúmeras reuniões com representantes do governo e da Caixa Econômica Federal, expondo a importância deste projeto para Muriaé”, destaca o prefeito Aloysio Aquino. “Felizmente, tudo deu certo. E as chuvas torrenciais que caíram sobre a cidade nesta fase final dos trabalhos não geraram transtornos e nem alagamentos, comprovando a eficiência do serviço”, completa.

Obras sendo executadas no bairro Dornelas
Obras sendo executadas no bairro Dornelas

ANDAMENTO DAS OBRAS EM OUTROS BAIRROS – Além da região do córrego Santa Rita, o projeto do Complexo de Drenagem Pluvial de Muriaé inclui ainda atividades em outros três bairros da cidade.

No Primavera, as atividades também já estão concluídas. No local, o objetivo do serviço foi promover corretamente a captação da água proveniente das chuvas, evitando a ocorrência de erosões e deslizamentos de terra. Para isso, houve a criação de avenida sanitária com 2 mil metros de rede no perímetro do bairro, além da correção de duas voçorocas que há anos colocava em risco a segurança dos moradores.

O Dornelas deve ser o próximo bairro a ter suas obras também finalizadas. Neste momento, as obras acontecem na Rua Viscente Cascelli, no trecho entre as ruas Nicola Cascelli, João Dornelas, Francisco Dornelas e Wilson Alvim do Amaral. A previsão é que as atividades estejam totalmente concluídas até meados de dezembro.

Já na Barra, as obras também prosseguem, com ações sendo executadas na Rua Belisário e no entroncamento entre as ruas Pirapanema, Farmacêutico Álvaro de Castro e Francisco Carlos Machado – popularmente conhecida como prolongamento da Avenida JK. Em seguida, a equipe da Prefisan seguirá para a Avenida Monteiro de Castro – que ficará com trânsito em meia pista a partir de dezembro – e vias públicas do seu entorno, como as ruas Doutor Antônio Rogério de Castro, Rui Barbosa, Lincoln Marinho e Victor Hatadeu, entre outras. A expectativa é que todas as etapas sejam concluídas até o fim de janeiro de 2016.

Diretor do BANCOOB, Ênio Meinen, ministra palestra em Muriaé a convite do SICOOB CREDISUDESTE

DSC_0765O diretor de Operações do Banco Cooperativo do Brasil (BANCOOB), Ênio Meinen, esteve em Muriaé, a convite do SICOOB CREDISUDESTE, para ministrar uma palestra sobre o cenário econômico e as vantagens e os benefícios das cooperativas de crédito SICOOB. O evento aconteceu na última quinta-feira (19), no Salão Nobre da Faminas.

Apesar do cenário econômico não estar tão favorável e da recessão pela qual vive o país, o diretor de Operações do BANCOOB afirma que veio a Muriaé trazer “notícias boas” e falar do que está funcionando bem no país e das coisas que vão melhorar. “Nesse sentido do que está funcionando bem, daquilo que é notícia boa, sem dúvida nenhuma, o cooperativismo financeiro, mesmo em tempos de crise, se mantém bastante ativo no financiamento das atividades produtivas e do consumo. Enquanto os bancos se retraem na concessão de créditos, as cooperativas, além de manterem o percentual, nesse tempo têm até aumentado, porque atende a muitos clientes que em bancos têm o crédito negado e por isso procuram a cooperativa, pois sabem que a cooperativa tem compromisso com a comunidade”, conta, defendendo que o cooperativismo é um instrumento, no que se refere ao empreendimento coletivo e de organização econômica e social, para superar a crise.

Ainda segundo ele, as cooperativas são resilientes, ou seja, não fazem apostas em ativo de risco. “Em resumo, o cooperativismo é um instrumento da sociedade e voltada para a sociedade, esteja a economia bem ou mal. O cooperativismo não oscila em relação ao seu compromisso de promover o desenvolvimento socioeconômico local e regional”, frisa.

Estiveram presentes na palestra o presidente do Conselho de Administração do SICOOB Central CREDIMINAS, Alberto Ferreira, o presidente do SICOOB CREDISUDESTE, Vilson Lomar Silvestre, o vice-presidente do SICOOB CREDISUDESTE, Ricardo Ferreira, conselheiros e funcionários da cooperativa de crédito, alunos do curso de Administração da Faminas, empresários da cidade e região, entre outros.

O presidente do SICOOB CREDISUDESTE, Vilson Lomar Silvestre, afirma que palestras como esta são importantes para se divulgar o cooperativismo, que, segundo ele, é um aliado para os negócios, principalmente em momentos de recessão econômica. “O cooperativismo é a solução econômica e social para os seus associados em relação às crises. O cooperativismo traz desenvolvimento para os locais em que está inserido. E como ele pode ser conhecido? Uma dessas formas é eventos como este, com palestras de profissionais renomados no sistema”, diz.

O diretor-superintendente do SICOOB CREDISUDESTE, Francisco Xavier Borges, enfatiza que o sistema cooperativista de crédito é a alternativa para propulsionar a melhoria das atividades dos associados, bem como o desenvolvimento regional. “Isso está comprovado no mundo. O cooperativismo de crédito é sustentado pela estabilidade institucional e pelos valores como democracia, ética e solidariedade. Possui características peculiares, como a vocação à inclusão financeira e atuação que objetiva o desenvolvimento pessoal e social de seus integrantes. Nos bancos convencionais, o acesso ao crédito ainda é um obstáculo para os pequenos negócios, que são a maioria dos empreendimentos do país. Ao contrário das cooperativas de crédito, que atuam na própria região e oferecem produtos e serviços para empresários, pessoas e produtores de todos os portes”, diz.

Alberto Ferreira, presidente do Conselho de Administração do SICOOB Central CREDIMINAS, afirma que ao promover um encontro para se discutir sobre conjuntura política e econômica sob a ótica de um profissional cooperativista, o SICOOB CREDISUDESTE fortalece a relação com a comunidade. “Possuímos um portfólio de produtos e serviços adequados às necessidades de nossos associados e atendemos de forma próxima e muito mais humanizada que as instituições financeiras tradicionais. O SICOOB CREDISUDESTE é uma cooperativa de grande patrimônio e com uma excelente condição de prestar uma assistência financeira a toda a região onde atua. Os serviços prestados são de alta qualidade, de uma forma cooperativa, algo que faz toda a diferença. As cooperativas de crédito são instituições voltadas para as pessoas”, cita.

O SICOOB CREDISUDESTE atua em 22 municípios e possui, atualmente, 30 mil associados – destes, 20 mil são ativos.

O PALESTRANTE – Ênio Meinen é advogado, pós-graduado em Direito pela Fundação Getúlio Vargas do Rio de Janeiro e em Gestão Estratégica de Pessoas pela UFRGS. É autor/coautor de vários livros sobre cooperativismo financeiro, área na qual milita há mais de 30 anos.

FAMINAS e Prefeitura firmam parceria para ações integradas de saúde

DSC_1251A FAMINAS e a Prefeitura de Muriaé firmaram protocolo de intenções entre si. O Contrato Organizativo de Ação Pública Ensino – Saúde (Coapes), que valerá para a realização de ações integradas entre o curso de graduação em Medicina a Secretaria Municipal de Saúde, foi assinado nesta terça-feira (24), no Salão Nobre da faculdade.

O contrato foi assinado pela diretora Executiva da FAMINAS, Luisa Ribeiro Varella e o prefeito de Muriaé, Aloysio Aquino, além do secretário municipal de Saúde, Franklin Neto. Participaram também do evento os demais representantes do Executivo municipal e acadêmicos e professores da instituição de ensino superior.

Luisa Ribeiro Varella, diretora Executiva da FAMINAS
Luisa Ribeiro Varella, diretora Executiva da FAMINAS

Para Luisa Ribeiro Varella, firmar mais uma parceria com a Prefeitura de Muriaé objetiva contribuir para a formação de profissionais médicos aptos a atender a cidade com todas as suas particularidades. “Mais do que alegrar a FAMINAS, esse contrato corrobora e fortalece a nossa missão de ser uma entidade comprometida com a educação, constituindo-nos, mais do que nunca, de agentes de transformação regional. Se hoje contamos com estudantes, prezamos por entregar à sociedade, amanhã, médicos que sejam, primeiramente, seres humanos, que possam tratar os futuros pacientes também como pessoas”, destaca. “Acreditamos que a assinatura deste convênio será um grande marco para a educação da nossa cidade e fundamental para o desenvolvimento dessa vertente inclusiva na formação médica da FAMINAS”, acrescenta.

O Coapes tem o objetivo de estabelecer condições de cooperação entre as partes, no sentido de se buscar a interação entre os acadêmicos e os médicos atuantes na saúde pública em Muriaé. Dessa forma, o protocolo de intenções será uma ferramenta para a apresentação de novas propostas e para o fomento da sensibilização de gestores e profissionais em relação ao desenvolvimento do programa educativo.

O gerente Administrativo e Financeiro da FAMINAS, Eduardo Goulart, ressalta que o Coapes vai favorecer tanto os alunos do curso de Medicina quanto a comunidade atendida pelos PSF’s. “Esse convênio vem ao encontro das modificações na área da educação de ensino superior no curso de Medicina. Já tínhamos uma parceria com a Prefeitura de Muriaé para outros cursos, mas a partir do momento que o curso de Medicina iniciou-se na cidade, estamos alavancando novas possibilidades. Esse ganho é progressivo”, diz.

Aloysio Aquino, prefeito de Muriaé
Aloysio Aquino, prefeito de Muriaé

O prefeito Aloysio Aquino, que também é médico, ressalta que a população de Muriaé também será beneficiada com essa parceria. “O convênio será bom para os alunos, que terão um local para aprenderem, na prática, a profissão, e para a população usuária da saúde pública, que será atendida por esses acadêmicos”.

O secretário de Saúde, Franklin Leandro Neto, considera este – o da assinatura do contrato – um momento histórico. “O sistema de saúde ganha muito com isso, pois estamos formando os alunos para atuarem na saúde pública. Há tempos, as faculdades formavam e o SUS reformava esses profissionais para atuarem na saúde pública. Hoje, os alunos já são inseridos no sistema público de saúde, para que, após a sua formação, já tenham perfil e condições de atuar neste setor”, afirma. A perspectiva é que, em um futuro próximo, 100% da população da cobertura de Estratégia de Saúde da Família seja beneficiada com a integração desses alunos no serviço.

O prazo de vigência do Coapes será de 12 meses, contados a partir da data de sua assinatura, podendo ser prorrogado automaticamente por iguais períodos. Vale lembrar que o contrato não inclui qualquer tipo de transferência financeira entre as partes.

CONSOLIDAÇÃO DA PARCERIA – A coordenadora do curso de Medicina da FAMINAS, Drª Cristina Chaves Dias, salienta que esse convênio vai permitir que a parceria existente entre a FAMINAS e a Prefeitura seja consolidada. “Esse contrato permite a continuação da inserção dos alunos que já fazem estágio nas unidades de saúde. O convênio é importante não só para os alunos do curso de Medicina, mas para todos os acadêmicos dos cursos da área da saúde da faculdade. Ele vai fortalecer o próprio ensino e o serviço prestado à população de Muriaé”, afirma.

Ainda de acordo com a coordenadora, o contrato faz parte de uma determinação dos ministérios da Educação e Saúde, que visa promover a união entre o ensino e o serviço para a melhoria da Atenção Básica do serviço de saúde como um todo.

De acordo com o coordenador do Núcleo de Atenção Primária do curso de Medicina, Richard Duvanel Rodrigues, o Coapes formaliza o pacto existente entre a FAMINAS e a Secretaria de Saúde. “Com a chegada da Medicina na faculdade, sentimos a necessidade de fazermos algo formal, para que os alunos e a população ficassem garantidos de que o trabalho de estágio continue. Sabemos a importância para a população de Muriaé dessa integração, desse ensino dentro do serviço”, afirma.

IMPORTÂNCIA DO ESTÁGIO – O estágio é uma oportunidade do aluno aprender, na prática, o que é repassado em sala de aula. Segundo a coordenadora geral de Estágios e da Clínica-Escola da FAMINAS, Roberta Xavier Bruno, o aluno que faz parte de um programa de estágio se diferencia no mercado de trabalho, porque é no estágio que talentos e habilidades se desenvolvem.

Existem duas modalidades de estágio: uma opcional e uma obrigatória. O estágio obrigatório é aquele em que o aluno tem que cumpri-lo para sua formação curricular. Esses estágios são realizados nas empresas parceiras. Já o estágio não obrigatório é opcional, porém, desde 2008, há uma regulamentação federal de que este estágio seja remunerado. “Não existe mais estágio de observação. O estagiário tem que ser respeitado e ocupar um local de destaque na empresa onde ele faz o estágio, porque o estágio é uma ferramenta pedagógica de aprendizado”, afirma Roberta Bruno.

Ainda segundo a coordenadora, o Coapes será importante para os acadêmicos da instituição, pois vai ampliar ainda mais o acesso dos alunos ao estágio e ao contato com a comunidade. “Entendemos esse pacto como algo muito positivo, principalmente na troca de experiências. A partir desse pacto vamos ter mais habilidade e agilidade nos processos para a realização do estágio”, enfatiza.

Para Liuana Carvalho, aluna do curso de Medicina, o vínculo criado entre o estudante de Medicina, os profissionais da UBS e a comunidade é imprescindível para o desenvolvimento de atividades de prevenção, proteção e promoção à saúde. “A Atenção Primária à Saúde é um cenário rico para o desenvolvimento de diversas habilidades clínicas, porque é a porta de entrada para o serviço da saúde. E, portanto, o local para nós, estudantes de Medicina, poderemos entrar em contato com os mais variados e frequentes problemas de saúde da população”, considera.

PARCERIAS DE SUCESSO – A parceria entre a FAMINAS e a Fundação Cristiano Varella é uma das primeiras com a instituição de ensino e já rendeu resultados positivos. Muitos alunos da área de saúde estagiaram no hospital e muitos deles, hoje, fazem parte do quadro de funcionários. Cerca de 30% dos profissionais de Enfermagem, Nutrição, Psicologia e Serviço Social do hospital estudaram na FAMINAS.

O diretor Administrativo da FCV, Sérgio Dias Henriques, cita que a parceria com a FAMINAS é de “fundamental importância”, tanto para a instituição quanto para os acadêmicos. “Isso engrandece e fortalece o trabalho realizado por ambas as instituições. Quem sabe, no futuro, esses profissionais de Medicina possam fazer parte do quadro da Fundação Cristiano Varella”, avalia.