Prefeito de Vieiras, Waldinei Chicareli, é o novo presidente da AMERP

Waldinei Chicareli, prefeito de Vieiras (Foto: Arquivo A NOTÍCIA)
Waldinei Chicareli, prefeito de Vieiras (Foto: Arquivo A NOTÍCIA)

O prefeito de Vieiras, Waldinei Chicareli (Nei), foi eleito por aclamação presidente da Associação dos Municípios da Microrregião do Médio Rio Pomba (AMERP). Nei, que ocupará o cargo durante este ano, substitui Pablo Emílio Campos Corrêa, prefeito de Patrocínio do Muriaé.

A assembleia que definiu e deu posse à nova diretoria para este ano aconteceu nesta terça-feira (19), na sala de reuniões do Consórcio Intermunicipal de Saúde da Mata Leste de Minas Gerais (Cisleste), no Centro de Muriaé. O secretário executivo da AMERP, Vicélio Lúcio Franco, explica que todo mês de janeiro, pelo Estatuto, a  associação deve definir, durante assembleia, com a presença dos prefeitos associados, a diretoria para o exercício do ano.

Assembleia aconteceu nesta terça-feira (19), no Cisleste
Assembleia aconteceu nesta terça-feira (19), no Cisleste

Nei, que ocupará o cargo pela segunda vez, diz estar agradecido pela confiança em poder, mais uma vez, estar à frente da AMERP. “Tenho que agradecer muito aos prefeitos, que depositaram a confiança em mim e me elegeram presidente da AMERP mais uma vez. Temos que lutar cada vez mais em prol da nossa região e da associação. A AMERP ajuda muito os municípios, por isso estamos aqui para fazer parcerias e ajudar os prefeitos”, afirma.

O ex-presidente, Pablo Emílio Correa Campos, afirma que deixa o cargo com a sensação de dever cumprido. “Estou muito satisfeito e feliz de ter sido presidente da AMERP. Acho que todos os prefeitos também ficaram satisfeitos com o meu mandato. Trabalhei com pessoas maravilhosas”, afirma.

A AMERP é formada por 18 municípios da microrregião de Muriaé. Com sede em Muriaé, a associação não tem fins lucrativos. Fundada em julho de 1985, presta relevantes serviços de engenharia, consultoria e assistência técnica, empréstimos de máquinas pesadas, como tratores de esteiras, motoniveladoras e retroescavadeira. São também desenvolvidos projetos de topografia. O objetivo é oferecer aos municípios mais alternativas de serviços especializados a um preço diferenciado, o que gera economia aos cofres públicos municipais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *